Como manter a mente saudável diante das pressões da vida universitária

 

“Durante toda a trajetória na escola, vivemos a expectativa de alcançar o Ensino Superior e, quando enfim chegamos até ele, muitos de nós sofremos um baque. Afinal, a realidade nem sempre corresponde à expectativa.

A faculdade exige muita dedicação, muito mais que o Ensino Médio e cursinho. É aí que surgem as primeiras frustrações, e o medo de “não dar conta” assombra universitários de todos os cursos.

É por isso que hoje vamos falar um pouco sobre cuidados com a saúde mental durante a graduação. Afinal, para conseguir o seu diploma e exercer a profissão escolhida é preciso estar inteiro e bem.

 

Cuide do seu corpo

Ter uma alimentação saudável e praticar atividades físicas é fundamental para manter a mente saudável. Um estudo feito pelo pesquisador americano Jasper Smiths indica que a prática de atividades físicas estimula a liberação dos neurotransmissores serotonina e dopamina. A ausência de produção ou captação dessas substâncias está diretamente ligada à depressão e aos transtornos de ansiedade.

Encontre alguma atividade física que você se identifique. Se não há recursos financeiros para investir em alguma especificamente, a simples caminhada já pode ajudar muito. Aprender a respirar adequadamente ajuda também a prevenir crises de ansiedade e afins.

Planeje-se

É comum ter o sentimento de que não haverá tempo hábil para entregar todos os trabalhos, estudar para as provas e outras atividades, mas esse sentimento é apenas uma suposição. É preciso se organizar para realmente saber se os prazos estão de acordo com sua realidade de tempo. Portanto faça um cronograma e distribua as atividades de acordo com a prioridade. Caso perceba que não conseguirá cumprir o prazo de alguma atividade, o prazo seja inflexível e a atividade, muito importante, escolha outra de menor relevância para deixar de entregar, mas converse com o professor responsável antecipadamente. Se você tentar realizar todas as tarefas em um tempo insuficiente terá trabalhos de baixa qualidade em diversas matérias. Não é possível abraçar o mundo, não é mesmo? 

Escolher menos atividades extras também é importante para fazer um curso com qualidade e manter a qualidade de vida. Observe que toda escolha implica em ganhos e perdas. Pondere se vale a pena perder saúde mental/emocional e física para abarcar o mundo de uma vez só.

Ter as atividades em cronograma e fazer escolhas sábias com menos atividades previne episódios de ansiedade.

Evite competições

Existem pessoas que são competitivas por natureza, porém é preciso se atentar durante a graduação para que esse lado não aflore de modo prejudicial. Alunos competindo por nota não é novidade, mas durante a graduação é preciso ter maturidade e compreender que nota não é tudo, afinal a prova avalia uma pequena parte do conteúdo que foi trabalhado durante o semestre.

Além disso, temos que levar em consideração que a forma de aprendizagem é individual. Cada um tem o seu tempo e aprende de maneiras diferentes. Portanto ter uma nota maior não significa que você seja o melhor aluno. Pensar assim pode fazer com que você caia em frustrações caso não consiga ter a melhor nota em todos os semestres, além de desconforto com colegas de classe.

Foque em ampliar o seu conhecimento. Você tem que estar na faculdade por você, não para provar aos outros que domina certos assuntos. Se você é muito bom em alguma matéria, ajude colegas que enfrentam dificuldades. Isso trará um sentimento de ser útil e bom!

 

Observe-se sempre

É preciso sempre se olhar, identificar se você passa mais momentos felizes que tensos na faculdade. Caso não esteja se sentindo emocionalmente bem, não hesite em buscar ajuda, seja dentro ou fora do campus. Converse com amigos com quem tenha mais abertura ou até mesmo procure um psicólogo. Uma ajuda no início de episódios de depressão ou ansiedade generalizada pode evitar que você se prejudique na faculdade.

É preciso cuidar da mente sempre, independente da fase da sua vida, se está só trabalhando, trabalhando e estudando ou só estudando. Somos regidos por nossa cabeça, e o nosso sucesso e felicidade depende dela!”

Texto de Maria Fernanda Alves em 24/04/17  Via Revista Quero Bolsa em https://goo.gl/9O6JzT

 

Os itens em vermelhos foram detalhes que acrescentamos ao incrível texto da autora citada para reforçar a importância dos aspectos que ela mencionou.

A psicoterapia tem se mostrado eficiente para muitos universitários que atravessam estresse e crises de ansiedade. O Núcleo Ampliar conta com experientes psicólogas que trabalham com esse público há muito tempo. Venha experimentar a psicoterapia!

Telefone: (48) 4141-0504 ou contato@nucleoampliar.com.br

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.