Sobre crises e crescimento

pipoca by Agenor Gondin

Foto de Agenor Gondin

“Milho de pipoca que não passa pelo fogo continua a ser milho para sempre. Assim acontece com a gente. As grandes transformações acontecem quando passamos pelo fogo.

 

Quem não passa pelo fogo, fica do mesmo jeito a vida inteira. São pessoas de uma mesmice e uma dureza assombrosa. Só que elas não percebem e acham que seu jeito de ser é o melhor jeito de ser.

Imagino que a pobre pipoca, fechada dentro da panela, lá dentro ficando cada vez mais quente, pense que sua hora chegou: vai morrer.

De dentro de sua casca dura, fechada em si mesma, ela não pode imaginar destino diferente. Não pode imaginar a transformação que está sendo preparada. A pipoca não imagina aquilo de que ela é capaz.

Aí, sem aviso prévio, pelo poder do fogo, a grande transformação acontece: pum! – e ela aparece como uma outra coisa, completamente diferente, que ela mesma nunca havia sonhado. É a lagarta rastejante e feia que surge do casulo como borboleta voante.

Mas, de repente, vem o fogo. O fogo é quando a vida nos lança numa situação que nunca imaginamos: a dor. Pode ser fogo de fora: perder um amor, perder um filho, o pai, a mãe, perder o emprego ou ficar pobre. Pode ser fogo de dentro: pânico, medo, ansiedade, depressão ou sofrimento, cujas causas ignoramos. Há sempre o recurso do remédio: apagar o fogo! Sem fogo o sofrimento diminui. Com isso, a possibilidade da grande transformação também. 

Na simbologia cristã o milagre do milho de pipoca está representado pela morte e ressurreição de Cristo: a ressurreição é o estouro do milho de pipoca. É preciso deixar de ser de um jeito para ser de outro. ‘Morre e transforma-te!’ – dizia Goethe.”

Rubem Alves no livro O amor que acende a lua (p. 59). Texto na íntegra aqui.


Impressiono-me com a beleza com que muitos dos textos de Rubens Alves falam diretamente a mim e, acredito, a muitos leitores.

Apesar de antigo, considero um texto atemporal. Como ele mesmo diz, quase uma metafísica do processo de crescimento. De forma metafórica, parece um tanto com o processo promovido pela psicoterapia de orientação gestáltica.

 A psicoterapia pode ajudar nos processos de crescimento, crises e mudanças durante as diferentes etapas da vida de uma pessoa. Venha experimentar psicoterapia conosco!

 

Raquel G Pimentel Pilon

Psicóloga, gestalt-terapeuta

contato@nucleoampliar.com.br

(48) 4141 0504